sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Descanse em paz, Viva

Faleu hoje, no começo da tarde, em Lages, Vivaldino Athayde. Torcedor aliadino na juventude, foi convidado a participar do Inter por Luiz Benjamin Pereira quando o Aliados fechou as portas. No Colorado, Viva fez de tudo um pouco: foi diretor de marketing, de futebol, pau pra toda obra e presidente. Além disso, animava as vitórias com a lendária Orquestra Guanabara.

Viva está eternizado em dois registros de vídeo. No documentário El dia que me quieras, produzido pelo SESC em curso de documentários, e no Lages para Sempre produzido pela Câmara de Vereadores. Clicando AQUI, você pode ver a abertura do Lages para Sempre do Viva, com a participação da minha amiga Gabriela Fiori.

Descanse em paz, Viva, e muito obrigado por tudo que você por nós.

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Rapidinhas

* O Oeste perdeu ontem para o Pinheiros por 2x0, estacionando nos 9 pontos. O Inter depende de uma vitória simples no domingo para assumir a liderança.

* A prefeitura de Chapecó não liberou a Arena Condá para os jogos do Oeste. Com isso, o clube deve continuar a mandar seus jogos em Joaçaba.

* Em Biguaçu, o time da casa goleou o Maga por 5x0, e chegou a 6 pontos ganhos.

* VÍDEO: atenção, o Henrique Porto postou um vídeo com lances de Jaraguá 0x1 Inter. Está aqui: http://www.avanteesportes.com/futebol-novo-tropeco-em-casa-jaragua.html

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Imagens da vitória



Quer mais sobre a vitória do Inter? Passa lá no http://www.avanteesportes.com do Henrique Porto que tem até fotos, como essa do pênalti perdido por Alemão. Recomendo a visita!

Inter perde outro pênalti, mas vence a segunda fora de casa

Depois de um bom começo do Inter, com três escanteios seguidos, o Jaraguá criou as melhores oportunidades do primeiro tempo. O Inter não conseguia fazer a ligação entre meio e ataque, e ficou com a bola muito tempo em seu próprio campo. Na etapa final, os colorados subiram de produção, e aos 13 minutos o lateral-esquerdo Vinicius entrou na área e sofreu pênalti de Anderson Mathias, que foi expulso. O zagueiro Alemão foi para a cobrança e, assim como Ralf no jogo anterior, bateu à meia altura no canto esquerdo e o chute foi defendido pelo goleiro Éder. Porém, com um jogador a mais, o Inter pressionou e chegou a vitória quando Emerson chutou, o goleiro Éder deu rebote e Berlanda apanhou a sobra para marcar aos 28 minutos o gol da vitória colorada.

Internacional 1x0 Jaraguá
28 de setembro – Campeonato Catarinense de Acesso
Estádio do Botafogo – Jaraguá do Sul
Árbitro: Edson da Silva
Inter: Adê, Eliezer, Alemão, Emerson e Vinícius (Almir); Douglas, Ralf, Roni e Johnny (Berlanda); Bruno (Diego) e Gima. Técnico: Rafaele Graniti
Gol: Berlanda aos 28 do 2o tempo.

#meseguenotwitter

Cobertura ao vivo de Jaraguá x Inter no Twitter com @interlages e @futsc. Bola rolando!

Bora, Colorado!

Inter em campo de novo!

Jogo 15 Data: 28/09/2011 as: 15:30 horas - TURNO Estádio: BOTAFOGO - JARAGUA DO SUL
Confronto: Jaraguá X Internacional
Delegado..... - JERRY BACK LUFT
Árbitro......- EDSON DA SILVA
Assistente 1 - ANDERSON MOSER
Assistente 2 - ALEXANDRE PALAMAR
4º Árbitro...- ADEMIR DA SILVA
Árbitro Participante do Sorteio: CLODOALDO JUSVIACK

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Inter completo em Jaraguá

De acordo com o presidente Brequinho, os seis jogadores que estavam com a regularização pendente estão aptos a enfrentar o Jaraguá, quarta, no estádio do Botafogo, em Jaraguá do Sul. "Agora depende do Graniti, tive uma longa conversa com ele hoje, esse jogo é muito importante para ainda termos chances de conquistar o returno", disse o presidente do Internacional. O time será definido no treinamento de amanhã, mas como de hábito, a escalação deve ser divulgada apenas momentos antes do jogo.

domingo, 25 de setembro de 2011

Caçador vence em Itajaí e é segundo

Jogando hoje à tarde, no estádio Hercílio Luz, o Caçador bateu o Pinheiros por 2x0 e se igualou ao Inter na tábua de classificação, com 4 pontos ganhos. No critério do saldo de gols, tricolores e colorados estão iguais (1 gol positivo), mas os caçadorenses levam vantagem no número de gols marcados (2, contra 1 do Inter) e por isso estão em segundo no campeonato.

Ontem, em Indaial, o Oeste bateu o Maga por 1x0 e chegou a 9 pontos ganhos, com 100% de aproveitamento. Em Jaraguá, o time da casa perdeu para o Biguaçu por 3x0. Mais detalhes da Divisão de Acesso em http://www.futebolsc.com/noticias/0/5/

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Voltou

O Inter voltou.

Como assim, pode perguntar alguém?

Como voltou, se a competição é a terceira divisão, se os jogadores são desconhecidos, se faz tanto tempo desde o último grande feito.

Pois digo que o Inter voltou. Cheguei cedo ao estádio Vidal Ramos Júnior, que ainda estava vazio. De repente chegou o seu Armindo Araldi. Fundados do Inter, tantas vezes presidente, o maior de todos os colorados. Armindo Araldi tem 62 anos de Internacional. Viu o time nascer, crescer e se tornar um gigante. Viu Pão de Milho, Ernani, Esnel, Bodinho, Osvaldo, Magalhães, Áureo Malinverni, os irmãos Melegari, Plínio Maines, Puskas, Dair, Caramuru, Setembrino, Zezé, Anacleto.

Armindo Araldi fez o Inter ser campeão catarinense. Viu a final contra o Metropol. Viu os campeões de 1965 cruzando a cidade em carro aberto.

Armindo Araldi viu todas as glórias coloradas, e menos de uma semana depois de perder a esposa para uma insistente doença, deixou sua casa para ir ao estádio ver o Internacional na terceira divisão, um posto tão baixo que nem em seus piores pesadelos poderia imaginar.

Mas Armindo Araldi não se importa. Porque, a bem da verdade, não importa a divisão, e nem importa se esses jogadores não são os heróis de outrora. Não importa se o adversário não é algum festejado time da capital do estado.

Só o que importa para Armindo Araldi é que o time que entrou em campo vestia camisas vermelhas e é chamado de Inter de Lages. Ele estaria lá, ainda que acompanhado de meia dúzia de gatos pingados. Mas como em um passe de mágica, centenas de colorados, a maioria muito jovens, se juntaram a ele, e quase duas mil almas encarnadas viram o empate contra o Caçador.

Armindo Araldi estava lá, e ao seu redor outros colorados lageanos que se fizeram à sua imagem e semelhança. E por isso, só por isso, eu digo cheio de orgulho: o Inter voltou.

Videira junto com o Inter!

O bravo Pardal, que sabe tudo sobre o esporte videirense e mantém o ótimo Boteco do Pardal, manda a seguinte mensagem sobre os jogadores que mais se destacaram no Inter até agora:

Fala, Mauricio. Quanto tempo. Q bom q o blog voltou a atividade. Sobre o autor do gol o Gilmar, o guri é daqui da região, mas conhecido simplesmente como GIMA. Cresceu jogando futebol amador pelo Atlético de Vista Alegre (Videira) e o São Luiz (Rio das Antas). Sempre soube que o menino tinha muito potencial, mas infelizmente nunca teve oportunidades. Ele tem um estilo "Kaká", mas acho ele mais completo, porque sabe marcar tb. Certamente será destaque do Colorado na temporada. O Emerson Bruch, zagueiro, é videirense. O Alemão, outro zagueiro e o Ralf tiveram passagens pelo VEC. Certamente vcs terão a torcida videirense a seu favor nesta temporada. Abraço e boa sorte.

É bom lembrar ainda que o Graniti também treinou o VEC, não, Pardal? Corrija-me se eu estiver enganado. Abraço, amigo!

Inter perde pênalti e só empata com Caçador

Foi uma linda festa no Vidal Ramos Júnior. Ignorando o fato de ser uma partida da terceira divisão, o torcedor colorado foi em peso ao estádio apoiar o Leão Baio. O borderô registra 1320 pagantes, mas como a arquibancada nova estava tomada, e haviam pessoas em outros setores, o público total certamente passou de 1600.

No primeiro tempo, o time correspondeu ao apoio recebido. Criou ótimas chances, a principal dela em uma jogada individual do zagueiro Alemão, que saiu da defesa, arrancou pela ponta direita, deu um nó no marcador e cruzou para a área. Quando ia concluir, o atacante Bruno foi derrubado. Pênalti, comemorado pelos torcedores com entusiasmo de gol. Porém, Ralf bateu mal, no canto esquerdo, o goleiro Gilberto espalmou e o grito ficou preso na garganta.

A saída de João Marcelo, com um corte no rosto, praticamente desmanchou o time do Inter. Gilmar, o outro armador, nem foi relacionado por estar gripado, e os colorados não conseguiram mais organizar jogadas ofensivas. O segundo tempo foi quase todo do Caçador, que perdeu ótimas chances. Perigo mesmo o Inter só levou no último ataque da noite, quando Almir entrou livre na área pela esquerda e chutou por cima.

Com o empate, o Internacional é o segundo colocado, com 4 pontos. O Oeste lidera com 6.

video

Internacional 0x0 Caçador
22 de setembro de 2011 - Campeonato Catarinense da Divisão de Acesso
Estádio Municipal Vidal Ramos Júnior - Lages
Público: 1320 pagantes
Inter: Adê, Almir, Alemão, Emerson e Salatiel; Douglas, Roni, Ralf e João Marcelo (Ricardo); Bruno e Diego (Guilherme). Técnico: Rafaele Graniti

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Todos os caminhos...

... levam ao Vidal Ramos Júnior.

Inter de Lages x Caçador, 20 horas.

Ingressos a 10 (inteira) e 5 reais (meia).

Band FM transmite com liderança de Ricardo Córdova, narração de Antônio Armindo
e participação da equipe Copa e Cozinha.

Bora lá?

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Solta a voz, Antônio Armindo



Antônio Armindo volta ao microfone esportivo lageano amanhã, às 20 horas, na Band FM. Colorado de estirpe, filho de fundador, pai do coloradíssimo Rafael Araldi. Seja bem vindo, Armindo, que sua voz embale os sonhos colorados de dias melhores.

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Tio Vida




O mundo é cheio de estádios.

Fui a vários já.

Morumbi, Parc des Princes, Camp Nou.

Fui ao Maracanã lotado, à Bombonera ensandecida, ao Beaujoire aristocrático.

Mas também fui em pardieiros de times que não saem no jornal, só pra ter certeza que
o torcedor é sempre o mesmo, rico ou pobre, na vitória ou na derrota.

Quase sempre o mesmo.

O torcedor lageano não se parece com nenhum outro. É um camarada tão doido, que pode
até torcer pelo Grêmio em Porto Alegre, mas se esguela pelo Inter do Zé Melo.

É por isso que o Tio Vida é um estádio único para quem é lageano, de nascimento ou por opção.

Afinal, é lá que nos encontramos.

Faz tempo desde a última vez, não?

A espera acabou. Te vejo lá, quinta, às 20 horas. Porque o mundo é cheio de estádios,
mas só um deles é o Tio Vida.

domingo, 18 de setembro de 2011

Inter vence na estreia fora de casa

De Biguaçu, com informações de Patrick Cruz. Foto de Clebinho Pereira (Jornal Biguaçu em Foco)


O Inter encarou o Biguaçu no Estádio Acácio Zelnio da Silva e venceu por 1x0, na estreia da Divisão de Acesso do Campeonato Catarinense. Depois de um primeiro tempo em que o time da casa foi melhor, com o goleiro colorado Adeilson fazendo várias intervenções importantes, o Inter voltou mais organizado para o segundo tempo, com a entrada de Salatiel no lugar de Hanathan. Após uma confusão generalizada, com troca de empurrões, o árbitro expulsou um jogador de cada time: o colorado Eliézer e o atacante Grafite, do Biguaçu. Com mais espaços, o Inter achou o gol da vitória aos 33 do segundo tempo, em jogada individual do camisa 10 Gilmar, que acertou um chute indefensável no canto esquerdo do goleiro Alemão. O Biguaçu partiu para o abafa, e quase empatou quando Renan acertou o travessão, mas pouco depois perdeu outro jogador, com a expulsão de Paulinho. A partir daí, o Inter só tocou a bola para assegurar a vitória.
A próxima partida do Internacional será na quinta, às 20 horas, no Vidal Ramos. O adversário será o Caçador, que perdeu em casa para o Oeste neste domingo.

Internacional 1x0 Biguaçu

18 de setembro – Campeonato Catarinense de Acesso
Estádio Acácio Zelnio da Silva – Biguaçu
Árbitro: Carlos Eduardo Vieira Areas
Cartões vermelhos: Paulinho e Grafite (Biguaçu) e Eliézer.
Inter: Adeilson, Eliézer, Fagner Alemão, Emerson e Hanathan (Salatiel); Douglas, Ralf, João Marcelo e Gilmar; Diego e Bruno. Técnico: Rafaele Graniti
Gol: Gilmar aos 33 do 2º tempo.

sábado, 17 de setembro de 2011

Vamos nós

Vai começar de novo. O Inter estreia amanhã na divisão de acesso, contra o Esporte Clube Biguaçu, fora de casa, no estádio Acácio Zelnio da Silva.

Falei há pouco com o presidente Brequinho. O Inter vai com apenas 13 jogadores para a partida. Os outros 10 que completam o elenco não tiveram sua documentação regularizada.

Não tenho maiores informações do Biguaçu. Segundo o Eduardo Pauli, repórter mirim da Rádio Biguaçu FM (@eduardopaulu no Twitter), o time também só fez treinamentos e enfrentou equipes amadoras. Eduardo também diz que a arquibancada do estádio é para cerca de 100 pessoas, e que o gramado está em ótimas condições.

Biguaçu x Inter está programado para as 15:30h, com ingressos a 10 reais (inteira) e 5 reais (meia).